Professores decidem que não vão retornar com aulas presenciais

16 de Novembro de 2020, 23:29

Os professores da rede estadual de ensino de Sergipe decidiram, durante assembleia virtual, realizada nesta segunda-feira (16), que não vão retornar com às aulas presenciais.


Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica do Estado de Sergipe (Sintese), o Governo de Sergipe não cumpriu com todas as medidas sanitárias prometidas.


“Até que o Governo do Estado assegure as condições de trabalham e cumpra todas as medidas e protocolos estabelecidos pelo documento "Diretrizes para as Atividades Escolares Presenciais", construído pela Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), não voltaremos”.


O Sintese afirmou ainda que serão feitas denúncias ao Ministério Público, Vigilância Sanitária e outros órgãos de fiscalização sobre a “falta de estrutura física das escolas e sobre a falta de segurança”.


O Governo de Sergipe, por meio da Seduc, informou que a estrutura das escolas está pronta para receber os alunos e o retorno permanece programado para esta terça-feira (17), como calendário divulgado.


FONTE: A8SE.