Prefeito de Aracaju prestigia prêmio literário realizado pela loja maçônica

05 de Outubro de 2015, 06:12

A tarde deste sábado,03, foi de homenagens aos 110 estudantes do estado de Sergipe que tiveram os seus poemas escolhidos entre 760 alunos. A loja maçônica Contiguiba premiou todos estes jovens com certificados e ainda incluiu os seus poemas, crônicas e contos no Livro II Antologia Literária, organizado por Domingo Pascoal. Além da premiação o livro foi lançado e autografado com a presença dos seus escritores e prestigiado pelo Prefeito de Aracaju, João Alves Filho.

\r\n\r\n

Como grande incentivador da literatura, o Prefeito João Alves parabenizou a iniciativa que, segundo ele, é um estímulo que nenhum destes jovens irá esquecer. "Eu estava lendo algumas das poesias e a sensação é de que já são grandes escritores experimentados. Foram 760 alunos que concorreram à premiação, onde apenas 110 foram escolhidos, mas todos estão de parabéns, inclusive a maçonaria pela grande iniciativa. Eu diria que esta iniciativa é sem similar. Estas crianças e adolescentes premiados merecem uma estátua", afirma.

\r\n\r\n

O venerável Ibrain Salin diz que o objetivo desta premiação é de incentivar a literatura e a cultura do estado de Sergipe, para que estes alunos possam participar da edição de um livro. "Se estes jovens tentassem lançar este livro sozinhos, certamente não conseguiriam. A maçonaria preza pelo aperfeiçoamento cultural e social da coletividade. Sempre procurando fazer um país melhor e só teremos um país melhor incentivando estes jovens, reforça.

\r\n\r\n

 Jeivison Cardoso, um dos alunos premiados, diz o quanto a experiência é válida e lembra que não é a primeira vez que o seu trabalho é reconhecido pela loja maçônica. "No ano passado fui premiado na categoria conto e este ano eu volto a categoria poema. É muito gratificante este reconhecimento e oportunidade que a loja maçônica dá para os alunos, onde mostramos o nosso talento e o nosso trabalho. Esta é uma elevação da cultura do nosso estado e eu agradeço à loja e aos seus membros", declara.

\r\n